O Centro de Inteligência Epidemiológica (CIE) possui um núcleo de qualificação que compõe o conjunto de iniciativas inovadoras da Superintendência de Vigilância em Saúde da Secretaria Municipal de Saúde do Rio de Janeiro para o aperfeiçoamento dos profissionais de vigilância em saúde. Este núcleo coordena três frentes de trabalho: O EpiSUS Fundamental, a Especialização em Vigilância em Saúde com Ênfase em Epidemiologia e o Papo de Vigilância em Saúde.

O Programa de Treinamento em Epidemiologia Aplicada aos Serviços de SUS - Nível Fundamental do município do Rio de Janeiro (EpiSUS Fundamental Rio) é um treinamento com enfoque predominantemente prático e com duração de três meses.



Objetivo



Desenvolver competências em epidemiologia e vigilância em saúde, assim como aprimorar as habilidades do profissional em situação de surtos, epidemias, desastres e outras ameaças à saúde pública municipal.

Image


Image

Público-alvo



Profissionais com formação de nível superior, trabalhadores da rede de saúde do município, especialmente os que atuam na vigilância (epidemiológica, sanitária e ambiental) e na atenção em saúde (atenção primária, urgência, emergência e hospitais).



Formação



A primeira turma do EpiSUS Fundamental Rio recebeu o treinamento entre outubro e dezembro de 2021 e a segunda turma entre abril e junho de 2022. Foram 65 epidemiologistas de campo formados no nível fundamental, atuantes em todas as áreas programáticas do município e de diversos setores da saúde.



CONFIRA O RESULTADO DA SELEÇÃO DAS TURMAS DE 2022 ABAIXO:







ESPECIALIZAÇÃO EM
VIGILÂNCIA EM SAÚDE

COM ÊNFASE EM
EPIDEMIOLOGIA


O curso Lato Sensu de Especialização em Vigilância em Saúde com Ênfase em Epidemiologia (EVS) será realizado em parceria com o Instituto de Estudos em Saúde Coletiva da Universidade Federal do Rio de Janeiro (IESC/UFRJ) e pretende qualificar profissionais de nível superior, visando o aprimoramento dos processos de trabalho da vigilância em saúde. O projeto insere-se na estratégia ampliada de fortalecimento da rede de vigilância em saúde no município, que tem como um dos seus pilares o uso de informações para a tomada de decisões em saúde.



O papo de vigilância visa levar conhecimento e informações atualizadas sobre temas relevantes de saúde pública para profissionais da rede municipal de saúde e qualquer pessoa interessada no tema. O projeto pretende que os profissionais de saúde do município do Rio de Janeiro também tenham contato com temas e experiências inovadoras no âmbito da vigilância em saúde.

O papo de vigilância em saúde acontece na última sexta-feira do mês, às 15h00, no formato de live, no canal da SMS-Rio no Youtube: